Maria Vaidosa

Dei por mim a gastar 5€ numa revista sobre moda, maquilhagem e lifestyle só para folhear isto com os meus próprios olhos. Uma youtuber portuguesa lançou uma revista. Acho absolutamente revolucionário uma youtuber lançar-se para o mercado editorial em Portugal. Não é novo uma personalidade lançar uma revista – Cristina, Júlia – mas uma personalidade “da internet” fazê-lo é algo completamente novo.

O design está impecável. O trabalho comercial está fortíssimo, repleto de “product placement” de uma ponta à outra, inclusivé uma página inteira de publicidade ao Samsung S8, o que mostra a seriedade com que as marcas estão a levar “uma revista de uma youtuber”. A revista saiu hoje e foi anunciada ontem, de surpresa, no canal dela. O instagram oficial da revista, só em tráfego vindo do instagram dela, passou de 0 seguidores ontem à noite para + de 8 mil neste momento (14h).


Como diz o Jeff Bezos, CEO da Amazon, “as ideias não são disruptivas. Apenas a aceitação do público a essas ideias é que é disruptiva”. No caso d’ A Maria Vaidosa, apenas resta saber se o público irá aceitar a revista e se irá causar “disrupção” às vendas e receitas de publicidade da concorrência do mesmo segmento. Espero que sim. Acho tudo isto fascinante!