Categories
Avulso

Comprar Seguidores

Sobre o porquê de comprar seguidores ser extremamente estúpido e Como é que uma empresa se pode defender contra “influencers” que o fazem:

Às vezes vejo algumas contas de instagram de certos portugueses e penso “mas como é que este gajo tem tantos seguidores?”. Clico na lista de seguidores da pessoa e são enxurradas disto que aparece aqui na foto: milhares de seguidores falsos (e esta foto é de um insta tuga).

Há uma razão muito importante para não se comprar seguidores. E aconteceu, principalmente, desde que o feed do instagram deixou de ser cronológico e passou a obedecer ao mesmo algoritmo do facebook. Passo a explicar: assim que fazes um post só uma pequeníssima percentagem dos teus seguidores vê o teu post e, à medida que vai tendo interacções, o instagram/facebook considera-o um “bom conteúdo” e mostra-o gradualmente a mais pessoas. O que é que acontece se tiveres milhares de seguidores falsos?

A grande probabilidade é que a tal pequeníssima percentagem de pessoas que vai ver o teu post assim que o postas seja falsa. Ou seja, ninguém. E se ninguém interagir com o teu post o alcance dele não vai aumentar. Ou seja, ninguém real vai ver os teus posts. Nunca.


O número de seguidores é o que se chama uma “métrica de vaidade”. Serve para dizeres às pessoas que tens muitos seguidores. Serve para ires bater à porta de empresas e pedir borlas e dinheiro em troco de exposição. Como é que uma empresa se pode defender contra estes “influenciadores” da treta? Uma forma é através do Engagement Rate. O Engagement Rate é uma percentagem que resulta do número de interacções que um post teve (likes, comments, shares) sobre o alcance que esse mesmo post teve. O Engagement Rate é uma métrica valiosa porque nos mostra o grau de verdadeiro interesse que existe entre os seguidores e o seguido. Uma pessoa que comprou seguidores pode ter 50 mil seguidores mas o seu Engagement Rate vai ser muito, muito baixo. Uma empresa que esteja a pagar ou a oferecer produto a um destes influenciadores está a deitar dinheiro/produto à rua.


Para o seguinte exemplo, visto que não tenho os valores do alcance de cada post, irei usar o número de seguidores como referência. Portanto (likes+comments+shares) sobre número de seguidores e o resultado disso vezes 100.
Segundo a Union Metrics um engagement rate médio no instagram está nos 2.3%.
As últimas 3 fotos que a Cristina Ferreira postou no insta tiveram um ER de: 2,7%, 1,5% e 4,1% (acima da média)
As últimas 3 fotos que a youtuber tuga Maria Vaidosa postou no insta tiveram um ER de: 10%, 7,8% e 8,6% (loucamente alto – até fiz as contas 3 vezes – do caraças)
As últimas 3 fotos que o youtuber tuga Tiagovski postou no insta: 7,6%, 9,2% e 8,6% (loucamente alto – do caraças)
A conta de insta de onde tirei esta foto, as últimos 3 fotos tiveram um ER de 0,3%, 0,3% e 0,5%.
Por isso, não comprem seguidores. É feio, não é bonito. E não se deixem papar por quem compra seguidores.